terça-feira, 31 de maio de 2011

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Kit Homofobia

Após pressão de religiosos, Dilma suspende produção de "kit homofobia"

 
Depois de se reunir nesta quarta-feira (25) com deputados da chamada bancada religiosa, o governo decidiu suspender todas as produções que estavam sendo editadas pelos ministérios da Saúde e da Educação sobre a questão da homofobia. De acordo com o ministro Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência da República, a presidenta Dilma Rousseff assistiu vídeos do chamado "kit homofobia" e não gostou do tom das produções.
"A presidenta decidiu suspender esse material e suspender também a distribuição", disse o ministro, após se reunir com cerca de 30 deputados, entre eles, o líder do PR na Câmara, Lincoln Portela, e Anthony Garotinho.
De acordo com Gilberto Carvalho, todo material sobre "costumes" será produzido após consulta a setores da sociedade interessados, inclusive a bancada religiosa.
"A presidenta se comprometeu, daqui para a frente, que todo material sobre costumes será feito a partir de consultas mais amplas à sociedade, inclusive às bancadas que têm interesse nessa situação. Nós entendemos que é importante que, para ser produtivo e atingir seu objetivo, esse material seja fruto de uma ampla consulta à sociedade, para não gerar esse tipo de polêmica que, ao fim, acaba prejudicando a causa para a qual ele é destinado", disse Carvalho.
O governo admite que a decisão foi provocada pela pressão da bancada religiosa. "Na verdade o governo recebeu hoje a bancada evangélica e católica que vieram contestar os materiais atribuídos aos ministérios da Educação, da Cultura e da Saúde. O governo informou aos deputados que estão suspensas todas as produções de materiais que falem dessas questões, sobretudo dessa questão comportamental", informou o ministro.
"A posição do governo é clara. Estão suspensas a edição e a distribuição desse material. E qualquer material daqui para frente passará por um crivo de um debate mais amplo da sociedade", enfatizou Gilberto Carvalho.

Kit Homofobia

Após pressão de religiosos, Dilma suspende produção de "kit homofobia"

 
Depois de se reunir nesta quarta-feira (25) com deputados da chamada bancada religiosa, o governo decidiu suspender todas as produções que estavam sendo editadas pelos ministérios da Saúde e da Educação sobre a questão da homofobia. De acordo com o ministro Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência da República, a presidenta Dilma Rousseff assistiu vídeos do chamado "kit homofobia" e não gostou do tom das produções.
"A presidenta decidiu suspender esse material e suspender também a distribuição", disse o ministro, após se reunir com cerca de 30 deputados, entre eles, o líder do PR na Câmara, Lincoln Portela, e Anthony Garotinho.
De acordo com Gilberto Carvalho, todo material sobre "costumes" será produzido após consulta a setores da sociedade interessados, inclusive a bancada religiosa.
"A presidenta se comprometeu, daqui para a frente, que todo material sobre costumes será feito a partir de consultas mais amplas à sociedade, inclusive às bancadas que têm interesse nessa situação. Nós entendemos que é importante que, para ser produtivo e atingir seu objetivo, esse material seja fruto de uma ampla consulta à sociedade, para não gerar esse tipo de polêmica que, ao fim, acaba prejudicando a causa para a qual ele é destinado", disse Carvalho.
O governo admite que a decisão foi provocada pela pressão da bancada religiosa. "Na verdade o governo recebeu hoje a bancada evangélica e católica que vieram contestar os materiais atribuídos aos ministérios da Educação, da Cultura e da Saúde. O governo informou aos deputados que estão suspensas todas as produções de materiais que falem dessas questões, sobretudo dessa questão comportamental", informou o ministro.
"A posição do governo é clara. Estão suspensas a edição e a distribuição desse material. E qualquer material daqui para frente passará por um crivo de um debate mais amplo da sociedade", enfatizou Gilberto Carvalho.

quinta-feira, 19 de maio de 2011

'A Vida é como um Crochê'

Trouxe este poema do blog Aprendi com a vovo, espero que gostem.


Deus te dá a lã e a agulha
e te diz: Crocheta o melhor que puder, um ponto de cada vez.
- Cada ponto é um dia na agulha do tempo.
Depois de 12 carreiras de 30 ou 31 pontos, terás 365 pontos.
Em dez anos, cerca de 3650 pontos.
Alguns são pelo direito, outros pelo avesso... há pontos que se perdem, mas que podemos recuperar.
A lã que o bom Deus nos dá para crochetar nossa existência é de todas as cores:
Rosa como nossas alegrias
Negra como nossos sofrimentos
Cinza como nossas dúvidas
Verde como nossas esperanças
Vermelha como nossos amores
Azul como nossos desejos
Branca como a fé que temos nele.
Quantos pontos caberão no crochê de tua vida? Só Deus é quem sabe!

sexta-feira, 13 de maio de 2011

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Gola colorato em trico


feito pela artesã Claudia Maria
(tirado do blog Trico com Ceci )
Materiais:
- 2 novelos de 100 g. do fio Colorato da Línea Itália na cor preto
- Agulha circular nº 6 (80cm)

Pontos: barra 1/1 ( 1 meia, 1 tricô ) 2/1 ( 2 tricôs, 1 meia ).
Passo a passo:
Colocar 120 pontos e trabalha em ponto de barra 1/1 em carreiras circulares a 4 cm do inicio faça aumentos da seguinte maneira: 1 meia, levante 1 pontos entre os pontos pegando o fio abaixo da carreira anterior coloca na agulha esquerda e trabalha em tricô, 1 tricô, 1 meia até o final da carreira. na próxima carreira. Continua com 2 tricôs, 1 meia, a 20 cm do inicio arremate.